Americanos, trumais e krahôs

Apesar de eu me considerar relativamente bem informado sobre literatura, nunca tinha lido nada do Bernardo Carvalho. Peguei e terminei, rapidinho, “Nove Noites”.

“Nove Noites” me lembrou bastante “Os Detetives Selvagens”, do Roberto Bolaño. Nos dois livros, um personagem busca a história de alguém que já está morto (a poeta “real-visceralista” Cesárea Tinajero e o antropólogo Buell Quain). Nos dois casos, esse alguém viveu aventuras em lugares insólitos, distantes, de difícil acesso – nos desertos de Sonora dos anos 70 e no Bico do Papagaio, nos anos 30. Os personagens – e portanto, os leitores – só têm fragmentos das histórias remotas. Esses personagens não servem apenas como “desculpas” para relatar os acontecimentos do passado distante (e, portanto, possibilitar ao leitor uma identificação na sua “busca”); eles também passam por suas histórias, narradas entremeadas com as dos “heróis” do passado.

Além disso, as duas histórias têm um fator extrínseco em comum, há nelas elementos verdadeiros misturados aos ficcionais. Claro que todos os romances são assim. Mas esses o são de uma forma particular. Muitos dos personagens realmente existiram.

Em “Os Detetives Selvagens” o Bolaño usa pseudônimos – até para ele mesmo, que, dizem, seria o Arturo Belano. Em “Nove Noites” eles têm os mesmos nomes das pessoas – Buell Quain foi realmente um antropólogo americano que se matou no Brasil em 1939.

“A indistinção entre fato e ficção faz parte do suspense do romance. Por isso não vejo sentido em dizer o que é real e o que não é”, disse o Bernardo Carvalho ao site Trópico. Gosto dessa cortina de fumaça entre o que é real e o que é inventado.

Esporte krahô. O Quain se matou quando voltava da tribo para a cidade de Carolina, MA

A entrevista é super interessante para quem já leu o livro. O link está aqui.

Deixe um comentário

Arquivado em Bernardo Carvalho, Bolaño, Nove Noites

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s