Entre a Susan Sontag e a Pauline Kael

A Maria Rita Kehl é nossa Susan Sontag. Uma intelectual cool, uma mulher de meia idade atraente, que conhece os Racionais MCs, que deve ter sido amiga do Leonílson e do Itamar Assumpção e que poderia ser colunista de qualquer caderno de jornal – pode discorrer sobre psicanálise, guerra no Iraque, Bienal, depressão, filmes, alta dos juros, etc.

Claro que a Susan Sontag era um monstro (acho engraçado quando se usa essa expressão num sentido positivo. “Ganso foi um monstro no fim da partida, fulano é um monstro nos palcos, etc. E a forma correta é sempre “um”, artigo masculino definido, monstro) incomparável.

Costumo gostar das colunas que a Maria Rita Kehl escreve para o Estadão. Mas às vezes alguma coisa me incomoda. Nesse sábado isso aconteceu. O que me incomodou está logo abaixo.

O motoboy Eduardo Pinheiro dos Santos nasceu um ano depois da promulgação da lei da Anistia no Brasil, de 1979. Aos 30 anos, talvez sem conhecer o fato de que aqui, a redemocratização custou à sociedade o preço do perdão aos agentes do Estado que torturaram, assassinaram e fizeram desaparecer os corpos de opositores da ditadura, Pinheiro foi espancado seguidas vezes, até a morte, por um grupo de 12 policiais militares com os quais teve o azar de se desentender a respeito do singelo furto de uma bicicleta.

O que me incomodou: a frase longa. Por ser muito longa. Daria para fazer três frases no lugar de uma.

Mas o que me causou repulsa mesmo foi isso: “talvez sem conhecer o fato de que aqui (…)“. Isso, Maria Rita. Só você sabe isso. Só você e seus amigos. Motoboy sabe entregar pizza – e ainda erra às vezes. Mas você os perdoa quando isso acontece.

Deixe um comentário

Arquivado em Maria Rita Kehl, Susan Sontag, Tortura, Uncategorized

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s